Diploma EAD vale a mesma coisa que os outros? Como é visto no mercado de trabalho?

A oferta de cursos na modalidade de Ensino a Distância cresceu a passos largos nos últimos anos. Mas será que o mercado tem acompanhado essa expansão para receber os novos profissionais? Essa é uma conversa que tem tudo a ver com a validade e credibilidade dos diplomas EAD. Entenda! 

 

 

O diploma universitário EAD vale o mesmo que um diploma presencial?

Indo direto ao ponto: SIM! Afinal, você já viu até aqui que um Curso Superior EAD possui a mesma credibilidade e rigorosidade de fiscalização pelo órgão responsável pelas instituições de ensino do país.

Isso significa que se o curso é devidamente regulamentado pelo MEC, ao término da graduação, o aluno receberá sua diplomação de tecnólogo, bacharel ou licenciado validado pelo órgão e válido em todo o país.

O diploma para uma graduação EAD é exatamente igual ao obtido em uma graduação presencial. Não há nada no documento que diferencie o curso realizado entre presencial ou a distância. Na prática, portanto, tratam-se de diplomas com valores e pesos idênticos.

 

O que poderá diferenciar o recém-formado em um processo seletivo profissional, por exemplo, é justamente a credibilidade da instituição de ensino e do curso, segundo os critérios de avaliação do MEC. 

Leia: O que considerar na escolha do meu EAD?

 

O profissional formado em EAD é bem aceito no mercado de trabalho?

 A resposta dessa pergunta também é SIM! 

Em primeiro lugar, o reconhecimento da graduação EAD perante o mercado de trabalho tem relação direta com o avanço da regulamentação para a modalidade de ensino a distância ocorrido nos últimos anos. O estabelecimento de Referenciais de Qualidade para EAD pelo MEC é um dos marcos que garantiram que os cursos oferecidos pelas instituições passassem a obedecer critérios de qualidade, formando alunos com base e conhecimento técnico para atuarem em suas profissões.

Como consequência dessa expansão, o mercado passou a se adaptar para a contratação de profissionais formados pela modalidade - e é aí que a qualidade da formação é sentida na prática, eliminando qualquer tipo de desconfiança quanto à preparação desses profissionais.

 

A realidade é que no mercado de trabalho, o que será avaliado é a

qualificação, ou seja, se o profissional expõe o conhecimento e a

competência necessários para executar atividades relacionadas à sua

área. À medida que profissionais formados pela modalidade EAD

demonstram tais habilidades, a aceitação é natural, como acontece hoje.

 

 

O profissional formado em EAD pode ter diferenciais?

Para além do conhecimento técnico adquirido pela formação, o modelo de uma graduação EAD desenvolve no estudante habilidades comportamentais diferenciadas e extremamente visadas pelo mercado de trabalho, como:

  •  Organização e gerenciamento de tempo; 

  •  Disciplina; 

  •  Autonomia; 

  •  Proatividade. 

Com uma simples pesquisa de vagas, é possível perceber que esse é exatamente o perfil buscado por boa parte das empresas, especialmente as mais modernas e atuais. Há uma excelente oportunidade para que o profissional use tudo isso a seu favor!

 

Vale reforçar tais habilidades no currículos e nas entrevistas, sempre

de forma a esclarecer a metodologia do curso e como ela ajudou a

desenvolver boas competências pessoais. Acredite: faz a diferença!

 

Ainda tem dúvidas sobre a modalidade de graduação EAD?

Temos mais alguns conteúdos que podem te ajudar com as respostas para as dúvidas mais recorrentes sobre o EAD. 


 

  • Um pouco mais sobre EAD:

É bem possível que você tenha a sensação de ter ouvido falar muito mais sobre o Ensino a Distância (EAD) recentemente do que costumava ouvir no passado. Já reparou? Não é mera impressão: o crescimento da modalidade de Ensino a Distância (EAD) no país é um fato comprovado estatisticamente.

Há um dado da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES), inclusive, que aponta que, seguindo as tendências de crescimento até 2018 (ano de lançamento do estudo), em 2023 o número de ingressantes por meio da educação à distância (EAD) em universidades particulares será maior que o número dos que entram em cursos presenciais. Esclarecedor, não?

Entenda o que é e como funciona uma graduação EAD

Além de expor a transformação do ensino para um sentido mais democrático e viável a diferentes perfis, esse é um cenário que aponta também como o mercado de trabalho tem recebido um número crescente de formados pela modalidade interessados em garantir melhores oportunidades profissionais.

É justamente por estarmos tratando de um cenário de mudanças que muita gente ainda questiona se há diferenças concretas entre o diploma de um aluno formado pelo EAD e, ainda, entre o profissional dessa modalidade. Será que o mercado está aberto para tais mudanças ocorridas tão recentemente? 

É isso que você entenderá a seguir.

 

Como é uma graduação EAD?

Uma graduação EAD, como a sigla indica, tem como principal característica a transmissão do ensino sem barreiras geográficas, utilizando as vantagens da tecnologia e da internet para construir ambientes virtuais de aprendizagem. 

O diferencial prático de um curso EAD, portanto, é a metodologia, que utilizará uma espécie de “campus virtual” em lugar de salas de aula presenciais para a transmissão do ensino. 

Feita tal diferenciação, é importante entender que uma graduação EAD nada mais é que um Curso Superior que se enquadra nos mesmos modelos já conhecidos de formação superior, apresentados em forma de:

  • Tecnólogo;

  • Licenciatura;

  • Bacharelado.

 

Os cursos superiores EAD são autorizados e regulamentados pelo Ministério da Educação (MEC) sob o mesmo controle de qualidade exercido para cursos presenciais, que considera, dentre diversos fatores:

  • Estrutura, duração e metodologia conforme definido pela legislação específica;

  • Infraestrutura tecnológica;

  • Recursos pedagógicos da instituição de ensino;

  • Qualificação do corpo docente;

  • Polos de apoio presencial.

Ou seja: avaliados os critérios de qualidade de um curso a distância, incluindo a instituição de ensino que o oferece, um aluno EAD estará cursando uma universidade normalmente, com o mesmo nível de exigência que as presenciais, com a diferença de ter uma rotina mais flexível e metodologia de ensino diferenciada.


 

Está interessado(a) em fazer um EAD?

Conheça os mais de 20 cursos EAD UNIFAA, o Melhor Centro Universitário do Estado do Rio de Janeiro: 

Acesse clicando aqui

 

 

 

Notícias Relacionadas

Sem fronteiras, sem distância: UNIFAA lança Super Polo em Barra do Piraí
14/12/2022

Sem fronteiras, sem distância: UNIFAA lança Super Polo em Barra do Piraí

Estudantes aprovam qualidade dos cursos do UniFAA
21/11/2022

Estudantes aprovam qualidade dos cursos do UniFAA

[EAD] Devo mesmo investir em uma graduação?  Entenda se o diploma ainda tem valor no mercado de trabalho
15/12/2021

[EAD] Devo mesmo investir em uma graduação? Entenda se o diploma ainda tem valor no mercado de trabalho